Roteiro na Av. Paulista

Nos últimos anos a Av. Paulista se tornou um polo cultural, reunindo diversas instituições com programação artística e cultural para todos os gostos e todas as idades. E aos poucos a gastronomia vem ganhando seu espaço dentro dessas instituições e fazendo parte da programação de quem vai aproveitar o melhor da avenida mais famosa de São Paulo. 

Vamos começar nosso roteiro na altura do bairro Paraíso e vamos até a Praça do ciclista, claro que é impossível fazer todo esse roteiro gastronômico em apenas um dia. O ideal é dividir tudo em dois dias ou mais.  

Casa das Rosas

A nossa primeira parada é na Casa das Rosas, um antigo casarão construído em 1935 nos tempos áureos do café e que faz parte do grupo de construções assinadas pelo escritório Francisco de Paula Ramos de Azevedo junto com a Pinacoteca, Teatro Municipal, Mercadão e outros. 

A casa que na verdade é uma mansão no estilo clássico francês e atualmente é um espaço com uma programação cultural voltada para a poesia e literatura promovendo cursos, palestras e grupos de leitura, além de ser responsável pela catalogação do acervo Haroldo de Campos. 

Todo o espaço é lindo, com um belo jardim de rosas e um restaurante italiano nos fundos, o Caffé Ristoro do Il Pastaio trabalha com massas artesanais e ingredientes frescos. O cardápio para almoço é variado, mas no menu fixo você pode escolher seu tipo de massa e molho. No jantar aposte nas bruschettas e focaccias, deliciosas. 

O local tem uma carta de vinhos modesta, mas que atende bem o dia dia e possui um menu de cafés especiais que valem a pena. Finalize sua visita com um dos doces maravilhosos da vitrine, recomendo a torta de maçã invertida, o bolo de amêndoas ou cannoli. 

Para consultar a programação acesse o site clicando aqui

Japan House

É um local de difusão da cultura japonesa e ampliação dos laços Brasil/Japão nas áreas da educação e negócios inaugurada em 2017. A construção foi pensada pelo arquiteto japonês Kengo Kuma que fez uma fachada com cedro japonês e painéis em malha coberta com papel japonês artesanal washi – Lindíssimo. 

O espaço conta com biblioteca, loja com artefatos japoneses como lenços e cerâmicas. No primeiro piso vocês encontram um pequeno espaço para o Café Sabor Mirai que serve cafés e chás e um bolo de matchá delicioso, o café conta com um pequeno jardim de bambus. E a maior parte da construção é para espaço expositivo que recebe artistas japoneses de forma sazonal – consulte a programação aqui. 

O restaurante da Japan House é o Aizomê comandado pela chef Telma Shiraishi que traz tradição e contemporaneidade para o menu. A chef propõe o conceito dos settos que são um conjunto de pratos variados e o ingrediente base desses pratos é o gohan (arroz japonês), o misoshiru (caldo japonês) e o tsukemono (comida em conserva). Mas os sushis e sashimis também estão no menu da casa. 

E toda a experiência é incrível pois traz conceitos japoneses modernos. O restaurante não usa garrafinhas plásticas e todos os ingredientes são naturais e os peixes e frutos do mar são provenientes de uma pesca sustentável. 

SESC Av. Paulista

O SESC da Av. Paulista é um queridinho por conter uma programação cultural super diversificada e gratuita, um mirante com uma vista linda e restaurante próprio com preços super acessíveis. 

Você pode conferir toda a programação no site, clicando aqui

Mas pode se preparar para encontrar uma biblioteca, espaço de leitura e convivência, shows, palestras, exposições entre outros. E se tiver a carteirinha do SESC você tem direito a fazer academia, yoga, pilates e muito mais. 

Agora vamos falar dos espaços gastronômicos. 

São dois andares com duas propostas e cardápios diferentes. No 16º andar você encontra a Comedoria. Nos horários de almoço e jantar você vai encontrar opções como saladas, sopas, quiches, sanduíches e etc.

No 17º andar fica o mirante, os dois andares são conectados por uma escada externa. Mas o café do mirante tem uma proposta de “comidinhas”, ao invés das sopas você pode encontrar caldos no cardápio, eles também tem bruschettas, tábua de queijos e outras opções de petiscos. 

Vale conferir o funcionamento desses espaços antes de ir, devido a pandemia da COVID-19. 

LEIA MAIS: Restaurantes com as Melhores Vistas de SP 

Itaú Cultural 

O Itaú Cultural também possui uma programação super interessante, voltada para arte brasileira e o melhor, tudo gratuito. 

Eles possuem um espaço expositivo fixo chamado de EOS – Espaço Olavo Setubal com uma coleção linda e super completa contando a história do Brasil desde o descobrimento até o modernismo, é o maior acervo privado da América Latina com 1.364 obras divididas em nove módulos. 

Nos outros andares você vai encontrar a programação sazonal que são sempre super interativas e divertidas. Vale conferir a programação no site, clicando aqui

Antigamente o restaurante do Itaú Cultural era o mesmo da Casa das Rosas, mas fechou e dizem que o espaço vai receber cozinha de chef. Ainda não temos novidades, mas acompanhe tudo no nosso instagram para ficar sabendo em primeira mão, clicando aqui

DICA EXTRA: Livraria Martins Fontes – O Café Mestiço fica dentro da Livraria Martins Fontes em um ambiente totalmente integrado e super tranquilo pra quem está buscando uma leitura acompanhado de um café ou uma conversa agradável no fim de tarde.⠀
No almoço você encontra poucas opções. O gostoso é experimentar os pães e bolos do cardápio acompanhamento perfeito para colocar a leitura em dia. ⠀

Reserva Cultural

A Reserva Cultural fica no prédio da Gazeta – Fundação Cásper Líbero e oferece uma programação de cinema contemporânea e “alternativa” – uso esse termo para deixar claro que são filmes fora do circuito mainstreaming . O espaço trás produções independentes de diferentes nacionalidades em salas de cinema menores mas super aconchegantes. Para a programação, clique aqui

No espaço eles possuem o Bistrô Reserva e a Boulangerie Pain de France, no bistrô você vai encontrar culinária inspirada no mediterrâneo e pratos típicos de bistrôs franceses. Com destaque para o Boeuf Bourguignon da casa que estava delicioso, mas no menu vocês encontram muitas opções de carne, massas e risotos.

Na padaria vocês encontram os melhores quitutes franceses, adoro o quiche de alho poró, a tartine de berinjela e o pain au chocolat. Acompanhe com uma das opções de cafés da casa ou de um cappuccino delicioso.

FIESP 

Continuando na Av. Paulista você vai encontrar a FIESP um espaço cultural que vai te proporcionar muitas surpresas agradáveis. 

A casa tem espaço para teatro, exposição de fotografias, galeria de arte, espaço expositivo e galeria virtual com programação variada e gratuita, confira a programação clicando aqui

A grande surpresa da FIESP está no Jardim Burle Marx, um espaço criado pelo famoso arquiteto e paisagista Burle Marx e é nesse local que fica a Patisserie Douce France com uma proposta de pães e doces deliciosos e que valem a experiência. 

A casa é comandada pelo chef Fabrice Le Nud que já foi eleito melhor chef de patisserie de São Paulo algumas vezes. 

MASP

O que falar do MASP enquanto museu?! Ele é o museu com o acervo mais importante da América Latina com arte francesa e italiana, principalmente. Mas possui mais de 8.000 peças com arte africana, brasileira e outros, além da maior biblioteca de artes do país.

O edifício foi projetado pela arquiteta Lina Bo Bardi, assim como os cavaletes que suportam as famosas obras do museu. O prédio é um ícone arquitetônico de São Paulo e do Brasil e famoso pelo vão gigante que abriga uma feira de antiguidade aos finais de semana e que possui uma vista incrível para a Av. 9 de Julho. 

O museu possui entrada gratuita às terças-feiras e todos os dias para menores de 11 anos e deficientes com um acompanhante, para valores atualizados consulte o site aqui

O MASP possui uma exposição fixa com quadros pintados por artistas como Portinari, Picasso, Monet, Van Gogh entre outros. Mas o museu também tem um espaço com exposições itinerantes, cursos e eventos.

O restaurante do local é A baianeira com gastronomia inspirada na culinária típica mineira e baiana. A casa é comandada pela chef Manuelle Ferraz que traz pratos típicos da sua terra natal, o vale do Jequitinhonha e releituras da culinária brasileira. 

O espaço tem arte/artesanato brasileiro, mesas de madeira que podem ser individuais ou compartilhadas e a novidade do espaço do MASP são os drinks que são assinados pela bartender Néli Pereira, do Espaço Zebra. 

VEJA MAIS: Espaço Zebra – Em cima galeria e no subterrâneo uma viagem nos sabores da coquetelaria

Aos finais de semana você pode aproveitar o Café Tardio, que é o brunch da casa com releituras dos cafés da manhã brasileiros e opções deliciosas. A casa também trabalha com menu executivo durante a semana e possui opções vegetarianas e veganas. 

DICA EXTRA: Restaurante Mira está localizado atrás do MASP, em um vão acima da Avenida 9 de Julho. O espaço é comandado apenas por mulheres e tem a intenção de ser plural e multicultural, unindo gastronomia, cultura, música e artes plásticas. Mira tem um cardápio com preços mais acessíveis, com proposta de cozinha urbana. LEIA MAIS

Conjunto Nacional 

Esse é o espaço mais versátil dessa lista, pois é uma galeria. E por qual motivo ele está no post? Eu particularmente considero a visita à Livraria Cultura uma parada obrigatória em São Paulo por ser uma livraria com 4.300 metros quadrados de área distribuídos por três pisos e que você pode parar e folhear páginas do seu livro, ler alguns trechos em um dos puffs do local e conhecer muito mais sobre qualquer tema de interesse. 

O espaço também conta com várias noites de autógrafo, palestras, noites de jazz, cafés filosóficos, além de ter programação no Teatro Eva Herz. Dentro da livraria tem um café gostosinho para tomar entre uma leitura e outra, mas as dicas de gastronomia aqui são outras!

O primeiro lugar que recomendaremos será a famosa casa de jazz Blue Note, que nasceu em Nova York e chegou em São Paulo para trazer ao seu palco os maiores nomes do jazz da atualidade. A casa tem programação variada e cobra entrada, o valor depende do show. Mas se você gosta do gênero musical pode ter certeza que vale a visita. 

Para comer no Blue Note a gente indica o sanduíche de lula e camarões com vinagrete de maçã verde, siciliano e manjericão que é delicioso, outra pedida é a tábua de queijos que vem super variada e a batata frita da casa que chega super crocante e sequinha. 

Para acompanhar você pode escolher um coquetel da casa ou um vinho, que harmoniza super bem com o ambiente. 

A segunda indicação será o Fattoria Ráscal, que é especializado em cozinha mediterrânea com pratos feitos na brasa, na lenha ou no pastifício (local onde se faz massa artesanal). 

Para a sua refeição ser perfeita escolha algum dos vários pratos feitos no forno de carvão. Eu indico começar com a berinjela defumada no forno a carvão e de principal aposte no polvo grelhado que acompanha salada de ervas e pasta de azeitona. 

Caso você queira uma das massas eu indico o ravióli fattoria que é uma massa de espinafre recheada com mozzarella de búfala e manjericão – você não vai se arrepender. 

Mas se a noite é mais informal aposte nos vários sabores de pizza que a casa oferece e todas de massa artesanal e feitas na lenha. 

DICA EXTRA: O Ristorante Casimiro fica na Al. Santos, logo atrás do Conjunto Nacional e possui culinária tradicional italiana. Um dos poucos lugares a ter no cardápio a famosa bistecca alla fiorentina – prato típico de Florença. Além de massas artesanais deliciosas, incluído o linguini feito na roda de parmesão.  A casa também tem uma varanda e programações de jazz ao vivo em alguns finais de semana e uma coquetelaria que vale a pena. Indico iniciar sua refeição com a degustação de três drinks e três entradas que o bar oferece.  Clique aqui para conferir a programação

IMS – Instituto Moreira Salles

O Instituto Moreira Salles é um espaço destinado em especial à exposições de fotografias. Eles estão presentes em três lugares – Rio de Janeiro, Poços de Caldas e a capital paulista.

O instituto possui o maior e mais importante acervo de fotografia do século XIX do Brasil, com mais de 2 milhões de itens. 

A casa também tem espaço para exibição de cinema e uma biblioteca de fotografias. A entrada é gratuita e eles também possuem uma vista linda da Av. Paulista de uma varanda no 5º andar. 

Clique aqui para conferir a programação do IMS

LEIA MAIS: Restaurantes com as Melhores Vistas de SP 

O restaurante do IMS é o Balaio é comandado pelo chef Rodrigo Oliveira, que também é o chef do famoso restaurante Mocotó. Mas o Balaio possui uma proposta mais moderna, com criações que utilizam ingredientes brasileiros, releituras de pratos tradicionais com uma proposta mais saudável e sustentável, pois todos os ingredientes são rastreáveis.

Se livre de todo preconceito, caso tenha, e experimente a panelinha de moela, com bacon e abóbora em conserva que acompanha a famosa focaccia artesanal da casa. Continue sua refeição experimentando o carro chefe da casa: o arroz de linguiça bragantina, com costela e quiabo ou a carne de sol de porco com baião cremoso e cebola roxa, no topo vem um queijo coalho crocante que finaliza o prato perfeitamente.

Para finalizar não deixe de pedir a sobremesa de frutas amarelas, que é uma mistura perfeita de creme de pequi, sorbet de butiá, compota de maracujá – uma verdadeira explosão de sabores. 

Para acompanhar sua refeição, experimente os drinks da casa que também são especiais – o balcão fica a comando do premiado Rafael Welbert, recomendamos o leve e refrescante Gin tônica do sertão que é com Gin e caju.

O cardápio completo você encontra no site, clicando aqui

Gostou do post?! Compartilha com um amigo ou familiar

Conhece algum desses restaurantes ou centros culturais? Conta pra gente a sua experiência nos comentários

Está saindo do forno um post completo com todos os centros culturais de São Paulo que possuem restaurantes deliciosos! 

Siga a gente no Instagram @exploravida_

Autor: Explora Vida - Nay Noronha

Paraense morando em São Paulo, pronta pra viver experiências gastronômicas e de viagens regada de um bom vinho e sempre buscando os melhores registros!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s